Resenhas

Haim – Days Are Gone

Considerado o Hanson de saias, as irmãs Haim se sairam muito bem em seu disco de estreia

haim

Aparecendo na hora certa (no ano em que gostar de Fleetwood Mac virou descolado de novo) e no lugar certo (ao lado do produtor Ariel Rechtshaid – que entre outros já produziu gente não menos cool como Vampire Weekend, Major Lazer, Charli XCX; aquela patota do Brooklyn, sabe?), as (lindas) irmãs do Haim conquistaram a atenção dos marmanjos de todo mundo com seu Pop festivo e dançante, quase como uma versão 2.0 do Hanson, só que agora de saias.

Meio retrô, meio calabresa contemporâneo, o som das garotas é bem simpático e por mais que fale de amor, sonhos, paixonites e outras coisinhas de garotinhas elas resolvem não apelar para aquele velho mimimi de menina tão comum na música Pop.

Sonoramente, você ouvir muito (MUITO MESMO) ecos de Fleetwood Mac e da carreira solo de Stevie Nicks, além de uma supresinha ou outra. Um rockzinho aqui, um countryzinho ali, um pouco daqueles clichês Pop dos anos 70 e 80 e é isso aí, está pronta uma das maiores hypes do ano.

No fim das contas Days Are Gone é bem bom (ainda mais se você gosta de Fleetwood Mac) e além dos hits o álbum tá cheio de música boa – daquelas que você provavelmente vai se pegar cantando no chuveiro ou no supermercado enquanto escolhe abacates frescos (sim, isso aconteceu comigo). Quatro bigodinhos hipsters pras garotas! (um deles é só porque elas são umas lindas).

http://rd.io/x/QU2QdiJqYUc/

4

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s