Listas

Lista: 6 coisas que as pessoas PRECISAM parar de fazer na balada

Não seja cínico: você sabe que já fez uma ou duas (ou todas) coisas dessa lista

Semana passada eu falei pra vocês das 5 coisas insuportáveis que os DJs fazem nas baladas. Mas vamos ser bem sinceros: nós, o público, também temos uma gigantesca parcela de culpa quando o negócio é transformar a noite em algo memorável ou em uma grande merda.

Então, querido leitor, bote a mão na consciência e não ignore a verdade! Você sabe que já fez alguma coisa dessa lista – ou talvez todas. Faça a desintoxicação dessas atrocidades agora, na esbórnia do Carnaval, e volte na quarta-feira de Cinzas como uma nova pessoa. Para o bem dos seus amigos, que passarão menos vergonha, do dono da balada, que não aguenta mais ver sua cara e não sabe como te expulsar e – acredite – para você mesmo, que vai se tornar uma pessoa melhor.

6. Ficar pedindo música para o DJ

É sempre assim: a pessoa atropela todo mundo, chega na cabine do DJ e fica gritando pra ele tocar alguma música que sempre se encaixa em uma dessas opções 1. já tocou; 2. é muito chata e deixa o DJ de cara feia; 3. não tem nada a ver com o que o DJ normalmente toca ou 4. é uma das músicas que ninguém mais aguenta ouvir na balada. Sério, apenas parem.

O amendoim é você, pedinte de música ¬¬’

5. Ser o louco das fotos

Em um surto de autoafirmação ou seja lá o que for, esse elemento fica perseguindo o fotógrafo da balada A NOITE INTEIRA, pedindo milhões de cliques em diferentes ângulos. Só falta arrancar a câmera da mão do cara que tem que aguentar esses tipos para ficar tirando selfie. Não adianta tirar milhões de fotos; se nenhuma saiu bonita, o problema é outro. E deixe o cara trabalhar em paz!

4. Fazer roda quando o DJ toca a sua música

Não basta o grito estridente de “AAAAAAAAAAAAAIIIII, MINHA MÚSICAAAAAAAAAAAAA”; esse cidadão PRECISA abrir uma roda no meio da pista lotada para dançar de uma maneira ridícula com os amigos. Se você está na balada, provavelmente é maior de idade e não tem mais idade pra essas coisas, ok?

Dança sozinho e para de constranger os outros, brother.

3. Tentar subir no palco

Sabe quando sua mãe avisa para levar uma blusa porque vai fazer frio? Se ela soubesse metade das coisas que você faz na balada, ela também falaria para você não tentar subir no palco. Sério, cara, você vai se machucar, os seguranças vão te arrastar para fora da balada e te bater e vai pagar um micão na frente de muita gente. Ouça sua mãe, ela sabe das coisas.

Desmonta aí logo, bonita

2. Ficar enrolando no bar

POXA, AMIGO, SÉRIO MESMO????? Tem mais 42 pessoas atrás de você afim de enfrentar esse calor desértico dentro dessa casa que não passaria em auditoria de Departamento de Segurança de lugar nenhum e você fica empatando minha foda? Eu não posso pegar uma cerveja???? Eu não posso te empurrar? POR FAVOR, MEU AMIGO, POR FAVOR.

A vontade é essa

1. Derrubar bebidas nos outros

Está diretamente ligado às pessoas que cometem o item 2 desta lista. Naquela atmosfera de azaração e empolgação, as pessoas – já bêbadas – ficam ainda mais desajeitadas do que são naturalmente e quem paga o preço é você, que vai pra casa com uma explosão de odores na roupa e no cabelo que só saem depois de muita reza brava. Pode ser só uma gota, mas a sensação é de uma enchente de Campari, Mojito, Vodka com energético ou qualquer outra coisa que estejam bebendo!

Agora que você já sabe o manual básico pra curtir a balada sem atazanar os outros, não perca seu tempo e coloque em prática o quanto antes PELO AMOR DE DEUS! Ah, e bom Carnaval!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s